Esta foto foi escolhida pela BBC 28 de setembro, 2012 como uma das 20 mais bonitas

Sejamos proativos nas questões relacionadas às mudanças climáticas, pois não seremos poupados de seus efeitos devastadores a curto e longo prazo.
gmsnat@yahoo.com.br
Um Blog diferente. Para pessoas diferentes!

Grato por apreciar o Blog.
Comentários relevantes e corteses são incentivados. Dúvidas, críticas construtivas e até mesmo debates também são bem-vindos. Comentários que caracterizem ataques pessoais, insultos, ofensivos, spam ou inadequados ao tema do post serão editados ou apagados.

EAD

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Radicais Livres - Software

Radicais Livres foi desenvolvido por um grupo de pesquisadores: DanielaYokaichiya,  Eduardo Galembeck, e Bayardo Torres da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Atualmente o programa está disponível para download sendo distribuído nos termos de um software livre.
O software Radicais Livres é constituído de quatro seções:
(A) Fontes de produção – Descreve as fontes de produção mais conhecidas e enfatiza o papel da cadeia de transporte de elétrons na formação dos radicais livres de oxigênio.
(B) O que são e como se formam – Demonstra a estrutura química dos radicais livres e ilustra a formação dos diferentes radicais livres de oxigênio na cadeia de transporte de elétrons.
(C) Como agem e o que causam – Descreve os mecanismos de ação e os efeitos provocados.
(D)Mecanismos de proteção – Apresenta os mecanismos enzimáticos e não enzimáticos de proteção.
Onde conseguir?
O software é disponibilizado na Biblioteca Digital de Ciências (BDC). Para obter é necessário se cadastrar no site. Acesse aqui.
Especificações
  • Licença: Software Livre e Gratuíto
  • Direitos autorais: O software pertence à Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e distribuído nos termos de software livre.
  • Sistemas Operacionais: Linux MS-Windows, Mac OS (para todas as versões). Basta ter o plugin para abrir programas em extensão .SWF (Flash 7).
Requisitos do programa

O programa está na extensão .swf  e pode ser rodado em qualquer sistema operacional desde que tenha o plugin Flash instalado.
RADICAIS LIVRES



2 comentários:

  1. Não entendo nada disto, Gil. Acho que ainda não interagí com alguém que conheça o assunto com mais profundidade e que possa explicar bem didaticamente. Acho complicado.

    ResponderExcluir
  2. Megui, Uma parte do oxigênio que respiramos se transforma em radicais livres, que estão ligados a processos degenerativos como o câncer e o envelhecimento. Lembrado, ainda, que os radicais livres também tem um papel importante atuando no combate a inflamações, matando bactérias, e controlando o tônus dos "músculos lisos".

    ResponderExcluir