Esta foto foi escolhida pela BBC 28 de setembro, 2012 como uma das 20 mais bonitas

Sejamos proativos nas questões relacionadas às mudanças climáticas, pois não seremos poupados de seus efeitos devastadores a curto e longo prazo.
gmsnat@yahoo.com.br
Um Blog diferente. Para pessoas diferentes!

Grato por apreciar o Blog.
Comentários relevantes e corteses são incentivados. Dúvidas, críticas construtivas e até mesmo debates também são bem-vindos. Comentários que caracterizem ataques pessoais, insultos, ofensivos, spam ou inadequados ao tema do post serão editados ou apagados.

CONATEDU

CONATEDU
CONATEdu 3.0 - Congresso Nacional de Tecnologias na Educação

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

A ASSUSTADORA IMAGEM DE SATÉLITE QUE MOSTRA O POTENCIAL DEVASTADOR DO FURACÃO MATTHEW

O furacão Matthew já é considerado o mais poderoso do Atlântico em quase uma década.
Imagem do furacão Matthew durante passagem pelo Haiti: a similaridade com um crânio humano assustou muita gente e viralizou na internet
A enorme tempestade, que agora segue em direção à Flórida (EUA), atingiu o Haiti, República Dominicana e Cuba deixando um rastro de destruição, inundações, milhares desabrigados e ao menos 25 mortes.
Os danos já causados pelo furacão são tão assustadores quanto algumas das imagens de satélite fornecidas pela Agência Espacial dos EUA (NASA).
Uma das fotos que mais chamou a atenção foi registrada durante passagem do furacão pelo Haiti. A similaridade da imagem com um crânio humano assustou muita gente.
A foto, feita a partir do espaço, viralizou nas redes sociais e foi descrita como "aterrorizante". Ela mostra a tempestade em cores vibrantes, com destaque para o "olho" cercado por densas nuvens que delineiam o que se assemelha com o formato de um crânio de perfil e dentes.
No Twitter, muitos usuários compararam o furacão Matthew com o personagem "Ghost Rider", da Marvel.
Matthew, contudo, não é personagem fictício e, desde que se formou no fim de setembro perto da fronteira entre a Colômbia e a Venezuela, o furacão já provocou ao menos 25 mortes.
Até agora o maior estrago foi registrado no Haiti. Dados da ONU contabilizam ao menos 21 pessoas mortas no país e 350 mil desalojadas. Também foram registradas quatro mortes na República Dominicana.
Os maiores estragos do furacão Matthew até agora foram registrados no Haiti
O furacão Andrew foi o último grande a atingir a Flórida, em agosto de 1992, quando provocou ao menos 15 mortes.
Em 2004, passaram pelo Estado norte-americano os furacões Charley, Frances e Ivan. Entre eles, o Ivan destruiu cidades do Caribe e dos Estados Unidos e foi considerado o mais forte da última década - título que pode ser desbancado pelo Matthew.
Residentes da Flórida já se preparam para a chegada do furacão estocando suprimentos e reforçando janelas e portas das casas.
Nesta quarta, as prateleiras de um supermercado West Palm Beach estavam completamente vazias. A compra de água potável foi limitada nesse supermercado a quatro galões por pessoa.

Moradores da Flórida se preparam para a chegada do Matthew esvaziando prateleiras dos supermercados

Nenhum comentário:

Postar um comentário