Esta foto foi escolhida pela BBC 28 de setembro, 2012 como uma das 20 mais bonitas

Sejamos proativos nas questões relacionadas às mudanças climáticas, pois não seremos poupados de seus efeitos devastadores a curto e longo prazo.
gmsnat@yahoo.com.br
Um Blog diferente. Para pessoas diferentes!

Grato por apreciar o Blog.
Comentários relevantes e corteses são incentivados. Dúvidas, críticas construtivas e até mesmo debates também são bem-vindos. Comentários que caracterizem ataques pessoais, insultos, ofensivos, spam ou inadequados ao tema do post serão editados ou apagados.

EAD

domingo, 10 de julho de 2011

NOVO TERREMOTO ABALA O JAPÃO


Um forte terremoto sacudiu no domingo a mesma zona do noroeste do Japão devastada por um poderoso tremor em março, mas não havia indícios de novos danos ao longo da zona costeira nem na planta nuclear de Fukushima, disseram as autoridades.
A agência metereológica do Japão levantou um alerta para tsunami depois de ter advertido os habitantes daquela área a se afastarem da costa.
O Serviço Geológico dos Estados Unidos estimou a magnitude do tremor em 7,0 graus e disse que ele aconteceu 18 quilômetros à frente na costa noroeste do país pouco antes das 10:00 (hora local).
A mesma área foi abalada por um poderoso terremoto e tsunami em março, que causaram 21.000 mortos e desaparecidos. O desastre de 11 de março cortou a eletricidade na central de Fukushima e desencadeou uma crise nuclear.
"Começou como um tremor suave, e logo ficou gradualmente mais forte", disse Nobuyuki Midorikawa, funcionário da cidade de Iwaki, na área de Fukushima.
"Depois de viver a devastação em março, este alerta de terremoto e tsunami me fez sentir que não podemos baixar a guarda", disse Midorikawa.
A Tokyo Eletric Power, que opera na central de Fukushima, disse que os trabalhadores mais próximos da costa tinham sido evacuados a zonas elevadas por um breve período, e que já tinham retornado ao trabalho.
A empresa também disse que não houve sinais de danos imediatos na estação nuclear, onde se tentava arrumar o sistema de refrigeração para estabilizar os reatores e controlar a radiação. O sistema de refrigeração não chegou a ser interrompido pelo terremoto.
O terremoto de março alcançou uma magnitude 9,0 e provocou uma tsunami que alcançou 14 metros na planta nuclear de Fukushima e gerou vários danos à costa.
Epicentro
 Detalhes terremoto
7
·         Domingo, 10 de julho, 2011 às 00:57:12 UTC
·         Domingo, 10 de julho, 2011 às 10:57:12 na epicentro
38,040 ° N, 143,287 ° E
18 km (11,2 milhas)
Na costa leste de Honshu, JAPÃO
212 km (131 milhas) E de Sendai, Honshu, no Japão
239 km (148 milhas) ENE de Iwaki, Honshu, no Japão
250 km (155 milhas) E de Fukushima, Honshu, no Japão
409 km (254 milhas) a NE de TÓQUIO, Japão
horizontal + / - 14,1 km (8,8 milhas); profundidade + / - 4,2 km (2,6 milhas)
NST = 310, Nph = 311, Dmin = 441,9 km, Rmss = 0,8 seg, Gp = 32 °,
M-type = magnitude momento regional (Mw), Version = 9
·         USGS NEIC (WDCS-D)
usc0004sg6

Nenhum comentário:

Postar um comentário