Esta foto foi escolhida pela BBC 28 de setembro, 2012 como uma das 20 mais bonitas

Sejamos proativos nas questões relacionadas às mudanças climáticas, pois não seremos poupados de seus efeitos devastadores a curto e longo prazo.
gmsnat@yahoo.com.br
Um Blog diferente. Para pessoas diferentes!

Grato por apreciar o Blog.
Comentários relevantes e corteses são incentivados. Dúvidas, críticas construtivas e até mesmo debates também são bem-vindos. Comentários que caracterizem ataques pessoais, insultos, ofensivos, spam ou inadequados ao tema do post serão editados ou apagados.

EAD

quinta-feira, 2 de junho de 2011

SURGE NA EUROPA UM NOVO TIPO DE BACTÉRIA, RESISTENTE A ANTIBIÓTICOS

O surto da bactéria Escherichia coli na Europa é causado por uma nova linhagem altamente infecciosa e tóxica, com genes que lhe dão resistência a alguns tipos de antibióticos, disseram cientistas chineses que analisaram o organismo.
Os cientistas do Instituto de Genômica de Pequim, que estão colaborando com o Centro Médico da Universidade de Hamburgo-Eppendorf, na Alemanha, completaram o sequenciamento do genoma da bactéria em três dias, após receber suas amostras de DNA.
"Essa Escherichia coli é uma nova linhagem de bactéria que é altamente infecciosa e tóxica", disseram os cientistas do Instituto de Genômica de Pequim, na cidade de Shenzhen, no sul da China. Os pesquisadores disseram em comunicado nesta quinta-feira que a bactéria é parente próxima de outra linhagem de E. coli, a EAEC 55989, que foi isolada anteriormente na região central da África e conhecida por causar uma forte diarreia. 
Escherichia coli
Autoridades ainda estão investigando a origem da nova bactéria, que supostamente contaminou verduras cruas. O surto de E. coli, já matou pelo menos 17 pessoas na Europa, deixando mais de 1.500 outras doentes em oito países.
O Centro Médico da Universidade de Hamburgo-Eppendorf, um dos maiores hospitais de Hamburgo, tratou muitos dos pacientes infectados no norte da Alemanha, e descobriu que alguns antibióticos usados não tiveram efeito, segundo os cientistas chineses.
"A análise revelou ainda que a perigosa bactéria transporta alguns genes que dão resistência a antibióticos, incluindo resistência a aminoglicosídicos, macrolídeos e antibióticos betalactâmicos: o que torna o tratamento por antibióticos extremamente difícil", disseram os cientistas.
A E. coli pode ser passada de uma pessoa à outra, mas especialistas afirmam que não há exemplos disso ocorrendo em números significativos nesse surto.
Especialistas recomendam rígidas medidas de higiene, como lavar bem as mãos e limpar e cozinhar bem os alimentos.
Fonte: Reuters

NOTA DO BLOG: A Escherichia coli são parasitas minúsculos, que só podem ser vistos com auxílio do microscópio. Geralmente, fala-se de ameba sempre que há diarreias persistentes. A Escherichia coli é um parasita que se localiza no intestino do homem, mas que não é tão prejudicial e, portanto, não precisa ser tratada com antibióticos. Fico me perguntando se esta nova linhagem que apareceu do nada, na Europa, não é fruto de uma Manipulação Genética, uma vez que este patógeno é utilizado em todo mundo, principalmente nas Universidades e Laboratórios, onde são testados vários tipos de antibióticos nestas bactérias, ou seja, pode-se transformá-la sensível ou resistente a quaisquer tipos de antibióticos. É Ebola, AIDS, Mal da Vaca Louca, Gripe Aviária, Gripe Suína, H1N1, e etc...             
Resumindo, “o homem é o lobo do homem”!!!
Complemento da Postagem: O centro de controle de doenças da Alemanha divulgou nesta sexta-feira, 03 de junho, 199 novos casos nos últimos dois dias de uma rara e mortal cepa da bactéria E. coli, que até agora causou pelo menos 17 mortes.
O Instituto Robert Koch disse em comunicado que foram registrados 149 casos de infecção por E.coli e 50 da síndrome hemolítico-urêmica causada pela bactéria.
Os novos dados elevam o total de casos desde 01 de maio para 1.733.

Nenhum comentário:

Postar um comentário