Esta foto foi escolhida pela BBC 28 de setembro, 2012 como uma das 20 mais bonitas

Sejamos proativos nas questões relacionadas às mudanças climáticas, pois não seremos poupados de seus efeitos devastadores a curto e longo prazo.
gmsnat@yahoo.com.br
Um Blog diferente. Para pessoas diferentes!

Grato por apreciar o Blog.
Comentários relevantes e corteses são incentivados. Dúvidas, críticas construtivas e até mesmo debates também são bem-vindos. Comentários que caracterizem ataques pessoais, insultos, ofensivos, spam ou inadequados ao tema do post serão editados ou apagados.

EAD

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

TARTARUGAS CONSIDERADAS EXTINTAS SÃO REDESCOBERTAS EM GALÁPAGOS

Reapareceram apesar de ser presumida extinta logo após a histórica viagem de Charles Darwin às Ilhas Galápagos em 1835.
Dezenas de tartarugas gigantes de uma espécie que se achava estar extinta há 150 anos foram encontradas em uma ilha remota do Arquipélago de Galápagos. Análise genética feita por pesquisadores da Universidade de Yale, nos EUA, revela que pelo menos 38 exemplares de Chelonoidis elephantopus vivem nas encostas vulcânicas da Ilha de Isabela, mais de 320 quilômetros ao Norte de seu antigo lar na Ilha Floreana, de onde desapareceram caçadas por baleeiros.
"Isto não é apenas um exercício acadêmico", diz Gisella Caccone, pesquisadora do Departamento de Ecologia e Biologia Evolucionária da universidade e principal autora de artigo sobre a descoberta, publicado na edição desta semana no periódico científico "Current Biology". "Se pudermos encontrar estes indivíduos, podemos repovoar a ilha de origem. Isso é importante porque estes animais são uma espécie chave na manutenção da integridade ecológica das comunidades nas ilhas".
Um exemplar híbrido (cruzamento das espécies G. Becky e C. elephantopus)
que vive na Ilha Floreana, em Galápagos
Em sua viagem histórica a Galápagos em 1835, Charles Darwin observou que os cascos das tartarugas que viviam em ilhas diferentes do arquipélago tinham formatos diferentes - uma das observações que o inspiraram na sua teoria da seleção natural. Os cascos das tartarugas de Floreana, por exemplo, tinham forma de selas, enquanto os de tartarugas de outras ilhas tinham forma de domos. Em Floreana, no entanto, as tartarugas desapareceram após serem caçadas por baleeiros e trabalhadores de uma fábrica de óleo que se estabeleceu na ilha.
Fonte: Agência O Globo 
Artigo completo: http://www.cell.com/current-biology/fulltext/S0960-9822(11)01376-5
Gráfico da Constituição Genética dos indivíduos encontrados
Painel superior:
Constituição genética dos híbridos da amostra para que um dos pais inferido é um Chelonoidis elephantopus de raça pura (gráficos de pizza mostram proporção de ancestralidade; laranja: Chelonoidis elephantopus, branco ou manchados: um outro grupo de  genes).
Painel Médio:
Proporção esperada, em média, do genoma nuclear com alelos provenientes de C. elephantopus.
Painel inferior:
Coeficientes de filiação (Q-valores) em Chelonoidis elephantopus simulados para as classes de hibridação oito (A-H; informações Suplementar), onde um dos pais é um Chelonoidis elephantopus de raça pura.
Gradientes coloridos:
Mostram as distribuições simuladas.
vermelho: médio.
amarelo:  mediano superior e inferior.
azul: máximo e mínimo, respectivamente.
Com dados empíricos sobrepostos (Trapézio sólido e círculos brancos são indivíduos com ou sem Chelonoidis elephantopus - com mtDNA, respectivamente).

Nenhum comentário:

Postar um comentário