Esta foto foi escolhida pela BBC 28 de setembro, 2012 como uma das 20 mais bonitas

Sejamos proativos nas questões relacionadas às mudanças climáticas, pois não seremos poupados de seus efeitos devastadores a curto e longo prazo.
gmsnat@yahoo.com.br
Um Blog diferente. Para pessoas diferentes!

Grato por apreciar o Blog.
Comentários relevantes e corteses são incentivados. Dúvidas, críticas construtivas e até mesmo debates também são bem-vindos. Comentários que caracterizem ataques pessoais, insultos, ofensivos, spam ou inadequados ao tema do post serão editados ou apagados.

EAD

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

PELO RECONHECIMENTO DO ESTADO PALESTINO


Hoje o Conselho de Segurança da ONU se reuniu para discutir o apelo da Palestina para se tornar o 194º país do mundo. No entanto, governantes de países de destaque ainda estão em cima do muro. Somente um esforço gigantesco da opinião pública pode mudar a situação.
A Avaaz fez um pequeno, mas emocionante vídeo mostrando que essa proposta legítima é de fato a melhor oportunidade para acabar com o beco sem saída das infinitas negociações malsucedidas e abrir um novo caminho para a paz.

Mensagem original
Enquanto a violência se espalha novamente e as tensões sobem no Oriente Médio, uma nova proposta de independência da Palestina ganha fôlego em todo o planeta. Se conseguirmos a aprovação dessa proposta na ONU, ela poderá significar um novo caminho para a paz.
Porém, os chefes de governo de países de destaque ainda estão em cima do muro e para convencê-los a apoiar a independência da Palestina precisamos reforçar a pressão da opinião pública. Muita gente acha que não entende a situação suficientemente bem para se mobilizar. Para ajudar, a Avaaz fez um novo vídeo de curta duração contando a verdade sobre o conflito. Se uma quantidade suficiente de pessoas assistir ao vídeo, assinar a petição e a encaminhar a todos os seus contatos, nossas lideranças serão forçadas a nos ouvir.
O Pseudo Estado Palestino
Quase 10 milhões de membros da Avaaz estão recebendo este e-mail. Vamos mudar o teor da conversa sobre o Oriente Médio e criar um maremoto de apoio à independência da Palestina. Assine a petição  clicando no link abaixo e, em seguida, encaminhe a todos os seus contatos!


NOTA: Quem presidiu a sessão da ONU, na criação do Estado de Israel foi um brasileiro. Oswaldo Aranha inaugurou, na primeira Sessão Especial da Assembléia Geral da ONU, em 1947, a tradição que se mantém até hoje de ser um brasileiro o primeiro orador deste grande e importante foro internacional. Em 16 de setembro de 1947, preside a sessão da ONU em que é aprovada a partilha da Palestina, com a futura criação do Estado de Israel em 1948. Em razão de ter dado pátria ao povo judeu, seu nome é considerado uma legenda em Israel. 
E os palestinos ficaram ao "Alá dará".
Brasileiro só faz M......

5 comentários:

  1. Uma pessoa com um mínimo de cultura sabe que a maior desgraça do mundo é a maldita religião. Há quantos anos estamos vivenciando o conflito do Oriente Médio, entre palestinos e judeus? Maldita necessidade é esta de precisar de um deus? Malditos sim, todos os que patrocinam guerras com interesses "escusos" e que ferem e acabam com a esperança de paz no planeta. Os Palestinos têm sim o direito legítimo de terem suas terras.

    ResponderExcluir
  2. Leiam por favor:
    Os palestinos, autóctones da Palestina, não invadiram a terra de ninguém, não colonizaram ninguém. Foram, sim, as vítimas de um processo de colonização clássico, do qual, em última análise, as potências européias vencedoras da Primeira Guerra Mundial – a Grã-Bretanha em primeiro lugar – assim como os EEUU são em grande parte os responsáveis.
    http://www.alfredo-braga.pro.br/discussoes/palestina.html

    Esta é a mais dura e cruel realidade que acontece no ORIENTE MÉDIO há centenas de anos.

    ResponderExcluir
  3. eu fico pensando, a ONU deveria acabar pois não faz nada em prol dos países necessitados, é uma vaquinha de presépio dos países poderosos. Os EUA poderiam invadir a China, em vez de ficar alimentando Israel com dinheiro e armas, mais a China e uma potência em armas e exércitos, ou seja quem tem C... tem medo. Neste momento me lembro de Epicuro, que alega: se Deue existe e não pode impedir o mal e não o faz (e, com isso, não é bom), ou então quer impedir o mal e não consegue (e, portanto, não é todo-poderoso).

    ResponderExcluir
  4. Os EUA não são tão loucos a ponto de indispor com a China, como você sabe. Uma super população disposta à tudo e que se recusa a ser enganada como a China, é um vespeiro de altíssima periculosidade e não pestanejam se preciso for. É um absurdo a postura da ONU, que aliás, é uma organização ridícula, comandada pelo EUA. Eu entrei na Avaaz e fiz minha parte, assinando a petição. Espero que todos que lerão esta notícia deprimente, também assinem. Eu agradeço sinceramente, em nome daquele povo que nasce para ser torturado.

    ResponderExcluir
  5. Eu penso que no Mundo, não deveria haver fronteiras, pois somos todos terráqueos. Infelizmente nem todos pensam desta maneira e oprime o seu semelhante, porra que merda de mundo civilizado é este? Guerra sem precedentes, humano matando humano, por um pedaço de areia? Afinal onde está o tal de "Deus", e mais de que lado ele está? Do avesso? Estou esperando o raio divino cair na minha cabeça, e extinguir minha vida, acho que por mais de 30 anos, se eu tivesse jogado nos jogos de azar já deveria ter sido contemplado, enquanto o raio não chega. Viva Epicuro!!!!!!

    ResponderExcluir