Esta foto foi escolhida pela BBC 28 de setembro, 2012 como uma das 20 mais bonitas

Sejamos proativos nas questões relacionadas às mudanças climáticas, pois não seremos poupados de seus efeitos devastadores a curto e longo prazo.
gmsnat@yahoo.com.br
Um Blog diferente. Para pessoas diferentes!

Grato por apreciar o Blog.
Comentários relevantes e corteses são incentivados. Dúvidas, críticas construtivas e até mesmo debates também são bem-vindos. Comentários que caracterizem ataques pessoais, insultos, ofensivos, spam ou inadequados ao tema do post serão editados ou apagados.

SENATED

SENATED
Senated - Seminário Nacional de Tecnologias na Educação - 100% ONLINE E GRATUITO de 22 a 28 de Outubro de 2017

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

CHUVAS DEIXAM 64 MUNICÍPIOS EM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA EM SANTA CATARINA


As chuvas que atingem Santa Catarina deixam 64 municípios em situação de emergência, segundo a Defesa Civil divulgado hoje de sexta-feira (9). A Prefeitura de Rio do Sul decretou estado de calamidade pública em razão das inundações e deslizamentos de terra. Ao todo, 590 mil pessoas foram afetadas pelas chuvas que atingem o estado desde quarta-feira (7).

Cidades Alagadas - Foto G1

São 16.857 desalojados (pessoas que estão em casas de amigos e parentes) e 754 desabrigados (aquelas que perderam suas casas), e um total de 440.106 pelas enchentes.

A cidade mais atingida é Blumenau, onde 15 mil estão desalojados e 280 mil foram afetados pelas enchentes, seguida de Brusque, com 105 afetados. Também há desabrigados e desalojados em Ilhota e Florianópolis. O leitor Marcos A. Jordan registrou a situação em Blumenau nesta quinta e mandou para o VC no G1.
Estão em situação de emergência as cidades de Angelina, Caçador, Ituporanga, Leoberto Leal, José Boiteux, Pouso Redondo, Rio das Antas, Rio dos Cedros, Tijucas e Witmarsum. Outras 25 cidades apresentaram notificação preliminar de desastre, que podem também entrar em emergência.
A Defesa Civil de Blumenau informou que 70% da cidade foi atingida por deslizamentos e alagamentos em razão do aumento do nível do rio Itajaí-Açu, que estava 10,64 metros acima do nível normal às 18h. A previsão é de que suba até 14 metros até a madrugada. Trinta e dois bairros foram atingidos, segundo o órgão. Ao todo, 72 abrigos estão aptos a receber desalojados.
Em Rio do Sul, a prefeitura informou que a barragem de Ituporanga está 2,5 metros acima do vertedouro, e quatro das cinco comportas estão abertas para evitar alagamentos. As aulas foram suspensas em todas as escolas públicas nesta quinta. As unidades de Saúde permanecem fechadas, segundo a Secretaria Municipal, em razão da dificuldade dos profissionais de chegaram até os postos.
Calamidade Pública
Deslizamentos de terra – Em Jaraguá do Sul, onde 5 mil pessoas foram afetadas pelas chuvas, o deslizamento de terra em um morro no bairro de Tifa Martins atingiu o muro dos fundos de uma casa nesta quinta-feira. A residência havia sido interditada em 2009 pela Defesa Civil, mas era ocupada por um casal e os três filhos. O barro chegou até a lavanderia, mas ninguém ficou ferido, informou a prefeitura.
Imagens mostram o momento em que um deslizamento de terra atinge um trator em uma estrada de Corupá, ao norte do estado. O primeiro deslizamento ocorreu durante a madrugada, na comunidade Tamanduá, as barreiras caíram sobre a via, e deixando algumas residências em risco.
Outro deslizamento ocorreu na rua Ricardo Stein, no bairro Indisquerdo, e deixou o acesso principal ao local interrompido, mas há desvio no local. Um terceiro deslizamento está sendo monitorado na cidade na rua Alfredo Hellmann, no bairro Pinheiro.
A Defesa Civil recomenda que os motoristas tenham cautela nas rodovias, em razão do risco de queda de barreiras e pistas escorregadias. Em algumas cidades, desde o início de agosto, choveu três vezes mais que o esperado para o período.
(Fonte: G1)

3 comentários:

  1. Não, apenas uma casualidade sazional. Chuvas e secas são coisas normais no Planeta, enchentes, são na maioria das vezes provocadas pelo homm, com o sistema de abafar toda a terra que absorve a agua com asfalto, concretos, e outros sedimentos. além de diminuir as calhas de escoamaneto dos córregos, ribeirões e rios.
    Não é o princípio do fim.....
    É como dizia Garcia Marques, Crônica de Uma Morte Anunciada..

    ResponderExcluir
  2. queria fotos de hidrelétricas inundando cidades

    ResponderExcluir