Esta foto foi escolhida pela BBC 28 de setembro, 2012 como uma das 20 mais bonitas

Sejamos proativos nas questões relacionadas às mudanças climáticas, pois não seremos poupados de seus efeitos devastadores a curto e longo prazo.
gmsnat@yahoo.com.br
Um Blog diferente. Para pessoas diferentes!

Grato por apreciar o Blog.
Comentários relevantes e corteses são incentivados. Dúvidas, críticas construtivas e até mesmo debates também são bem-vindos. Comentários que caracterizem ataques pessoais, insultos, ofensivos, spam ou inadequados ao tema do post serão editados ou apagados.

SENATED

SENATED
Senated - Seminário Nacional de Tecnologias na Educação - 100% ONLINE E GRATUITO de 22 a 28 de Outubro de 2017

domingo, 18 de setembro de 2011

CIENTISTAS DESCOBREM PLANETA COM DOIS SÓIS


Chamam-lhe Kepler-16b e está a 200 anos-luz da Terra
Qualquer semelhança com a realidade é pura ficção. Ou não. Astrónomos da NASA acabam de descobrir o que até agora só existia na saga de filmes “Guerra das Estrelas”:
um planeta com dois sóis.
Este exoplaneta que gira em torno de dois sóis foi chamado de Kepler-16b e localiza-se a 200 anos-luz da Terra.
O planeta descoberto é parecido com o Tatooine da “Guerra das Estrelas”
O Kepler-16b tem uma massa de quase um terço da de Júpiter e um raio correspondente a 75 por cento deste planeta, o maior do Sistema Solar. Possui uma dimensão e uma massa semelhantes a Saturno e orbita os dois sóis em 229 dias, a uma distância média de 104,6 milhões de quilómetros.
Até hoje, um planeta como este apenas existia na “Guerra das Estrelas” com o planeta Tatooine, coberto de desertos e povoado de espécies indígenas como os ‘homens das areias’.
Mas, ao contrário deste planeta, o Kepler-16b é frio e gasoso, pelo que os astrónomos norte-americanos excluem a possibilidade de lá existir vida. Os dois sóis são estrelas mais pequenas e quentes do que o Sol, o que faz com que a temperatura seja à superfície entre 73 e 101 graus negativos.

Um comentário:

  1. Somos poeira atômica neste universo ainda extremamente desconhecido. Ainda há muitas barreiras que nos limitam neste nosso planeta tão pequenino, e ainda assim castigamos severamente nossa morada tão bela!

    ResponderExcluir